SAIBA QUEM SÃO OS MELHORES DO ANO DAS CIDADES DO BREJO.GUARABIRA,PILÕES ,MARI,PIRPIRITUBA,CUITEGI,

SAIBA QUEM SÃO OS MELHORES DO ANO DAS CIDADES DO BREJO.GUARABIRA,PILÕES ,MARI,PIRPIRITUBA,CUITEGI,
CLIK EM CIMA DA IMAGEM E SAIBA QUEM SÃO OS MELHORES DO BREJO EM 2014.

31 de março de 2015

Famosa pelo bumbum, Viviane vai estrelar Paixão de Cristo na PB

viviane
Quem diria, a modelo e atriz da Globo, Viviane Araújo, famosa por estampar capas de revistas masculinas e ‘desfilar seus atributos’ na Avenida Marquês da Sapucaí, durante o Carnaval do Rio de Janeiro, é tida como a grande atração do espetáculo da Paixão de Cristo da cidade de Cabedelo, na Grande João Pessoa.
A participação de Viviane foi confirmada pela prefeitura, mas o papel que deverá desempenhar na peça é tido como a grande surpresa do evento.
Viviane Araújo é figura conhecida do meio artístico, principalmente do público masculino. A modelo já posou diversas vezes para as revistas ‘Playboy’ e ‘Sexy’, além de integrar elenco da Escolinha do Professor Raimundo, onde interpretava uma aluna pra lá de sensual. Na Globo, a atriz também participou do humorístico Zorra Total.
Ela também se notabilizou por namorar o pagodeiro Belo, na época em que o cantor foi preso acusado de ligação com o tráfico de drogas no Rio de Janeiro.
Em 2012,Viviane sagrou-se como a grande campeã do reality show ‘A Fazenda’, da Rede Record de Televisão.
Após 93 dias de confinamento, Viviane volta saiu do programa com o prêmio de R$ 2 milhões, um smartphone, um MP3, um tablet e um kit esportivo, composto por patins, skate e bicicleta.
Recentemente, Viviane foi um dos destaques da novela Império, que teve seu último capítulo veiculado no dia 13 deste mês. Na trama, a atriz interpretou a manicure Naná.
O evento acontecerá de 3 a 5 de abril, na Fortaleza Santa Catarina.

Alexandre Freire – MaisPB

‘Hora do Planeta’ apagará luzes por uma hora hoje

luz-electrica-zonas-pobres
Às 20h30 de hoje (28), vários pontos em todo o Brasil vão ficar às escuras por uma hora. Locais como a Praça dos Três Poderes, em Brasília, os Arcos da Lapa, no Rio de Janeiro, e a Igrejinha da Pampulha, em Belo Horizonte, apagarão as luzes como parte da Hora do Planeta, mobilização liderada pela organização não governamental (ONG) WWF.
A Hora do Planeta é um movimento simbólico, que ocorre uma vez por ano, no fim de março. A ideia existe desde 2007 e aqueles que participam firmam o compromisso com o planeta de criação de um mundo sustentável. A ideia é que vários pontos em todo o mundo apaguem as luzes entre as 20h30 e as 21h30, em seus horários locais. Todas as 27 capitais brasileiras se comprometeram com o movimento. De acordo com a entidade, já são 173 cidades brasileiras com participação confirmada.
Além dos pontos em Brasília, no Rio de Janeiro e em Belo Horizonte, outros locais de destaque no país aderiram, entre eles o Elevador Lacerda, em Salvador, o Theatro Municipal de São Paulo e o Memorial da República, em Maceió. Na capital federal, a Biblioteca Nacional, o Museu Nacional, a Catedral e o Palácio do Buriti, sede do governo local, também vão ficar às escuras.
Às 16h, no entanto, a data já começa a ser celebrada. É quando terá início um show, na Praia de Ipanema (posto 10), no Rio de Janeiro. Entre as atrações estão o músico Hamilton de Holanda e o coletivo internacional de artistas Playing For Change. Todo o evento será realizado com gerador de biocombustível.
Além de monumentos públicos, a ONG incentiva as pessoas a participar da mobilização em suas casas, apagando as luzes não essenciais, como as de teto, televisões e computadores. A WWF lembra que luzes de funcionamento essencial, como iluminação de segurança em espaços públicos, luzes de orientação da aviação e semáforos, devem permanecer ligadas.
Por se tratar de uma mobilização mundial, em alguns países a Hora do Planeta de 2015 já ocorreu. Em Sidney, na Austrália, a famosa Opera House ficou apagada. As cidades de Yokohama, Tóquio e Osaka, no Japão, também participaram, desligando as luzes de importantes monumentos.
Para a WWF, no entanto, isso é só um começo, uma demonstração de comprometimento com um mundo melhor para essa geração e para as futuras. “Nossa expectativa é que esses indivíduos, comunidades e empresas tomem medidas além da hora. Em 2012, lançamos a campanha ‘I will if you will’ (Eu Vou se Você For) para fornecer uma plataforma destinada a inspirar as pessoas a compartilhar o  compromisso com o planeta com os seus amigos, colegas, líderes e redes”, explica a organização no site oficial.

Terra

acidentes. e mortes no brasil.

Bombeiros retiram de tubo corpo de homem sugado por chuva em Natal

2
O Corpo de Bombeiros do Rio Grande do Norte e a Defesa Civil de Natal enfim conseguiram resgatar, já na madrugada deste sábado (28), o corpo do auxilar de pedreiro Klebson Nascimento, de 37 anos, que passou quase uma semana preso dentro de uma tubulação de drenagem no bairro de Mãe Luíza, na Zona Leste da capital potiguar.
Klebson estava sendo procurado desde o início da tarde do último sábado (21), quando foi sugado pelo bueiro que fica na Rua Atalaia. Ele tentava desobstruir a passagem da água da chuva que caía naquele momento quando aconteceu o acidente.
A retirada do corpo foi anunciada pela assessoria de comunicação do Corpo de Bombeiros às 3h36.
Área em construção
As buscas pelo corpo ocorreram entre as ruas Atalaia e Guanabara, em uma área que está em reconstrução depois de ter sido atingida por fortes chuvas que causaram deslizamentos de terra em junho do ano passado. O secretário adjunto de Defesa Social de Natal, Pedro Júnior, afirmou que a tubulação foi construída pela empresa responsável pelas obras de reconstrução da área. “Foi uma sugestão dos moradores para escoar a água. Havia uma grade protegendo a boca de lobo, mas ela foi retirada, e o local estava aberto”, disse.

Acidente
Klebson foi sugado pela tubulação enquanto retirava entulho de um bueiro que fica na Rua Atalaia.
O local estava alagado em razão da chuva que caiu em Natal da madrugada até o início da tarde do sábado (21). O Corpo de Bombeiros recebeu o chamado por volta das 12h.
O Corpo de Bombeiros recomenda que a população evite ao máximo estar em áreas alagadas, além de terrenos acidentados, buracos e bueiros abertos, assim como fiação elétrica exposta.
Os assistentes sociais do Município conversaram com a família da vítima, e a Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social acompanha o caso.
G

Homem mata esposa e leva cabeça à delegacia

Um homem de 23 anos confessou ter matado e decapitado a namorada grávida na zona sul de São Paulo. De acordo com a Polícia Civil, o crime ocorreu na quinta-feira (26), mas somente neste sábado (28) José Ramos dos Santos se apresentou a uma delegacia levando a cabeça da vítima em uma mochila.
A Secretaria da Segurança Pública informou que o corpo de Shirley Souza, 16, foi encontrado por moradores em uma viela próxima à rua Manuel Rodrigues Mexilhão, na Pedreira, por volta das 19h30 deste sábado (28). Quando soube que o corpo foi localizado, Santos buscou a cabeça na casa dele para levá-la à polícia.
Segundo os policiais, Santos embarcou em um ônibus com destino ao centro com a cabeça da vítima e confessou o crime no 1º DP (Liberdade). No local, ele mostrou a cabeça e disse que matou a adolescente após ela assumir que o traiu.
O corpo decapitado foi encontrado por policiais militares nu, enrolado em um lençol e com as pernas amarradas com fios plásticos. Quando o crime foi comunicado pelos PMs à delegacia mais próxima –o 98º DP (Jardim Miriam)–, o delegado responsável afirmou que o suspeito já tinha se entregado no 1° DP.
Em depoimento à polícia, Santos disse que mantinha um relacionamento com a vítima havia cerca de um ano, mas já desconfiava da traição desde o fim de 2014. Santos disse que Shirley falava sobre relacionamentos que mantinha com outros homens quando ele estava drogado.
O suspeito disse que a desconfiança aumentou após a mulher engravidar, pois ele disse ter visto na carteirinha de saúde dela que sua última menstruação foi em agosto, quando o casal estava separado.
CHEIRO FORTE
Santos afirmou em depoimento que se encontrou com a namorada na última quinta (26) na casa onde ele mora com o irmão, como costumava fazer. Eles tiveram relações sexuais e depois passaram a discutir sobre as possíveis traições de Shirley. A namorada, então, confessou ter se relacionado com um amigo do casal às vésperas do Natal e do Ano Novo.
Após ouvir o relato, Santos contou ter aproveitado que a mulher se preparava para tomar banho para aplicar uma gravata, até ela desmaiar. Ele, então, foi tomar banho e, quando voltou, viu que a namorada tinha morrido.
Santos foi até a cozinha, pegou uma faca e cortou o pescoço da vítima até arrancar a cabeça. Depois, enrolou-a em um saco plástico e a guardou dentro de uma mochila. O corpo foi enrolado em um edredom e escondido atrás de um botijão de gás, com os pés e tronco amarrados com um saco plástico.
Após o crime, o suspeito relatou ter limpado a casa para que o irmão dele não desconfiasse. Também jogou a roupa suja no lixo, lavou o sangue da faca e a guardou novamente, junto com os demais talheres.
O corpo só foi retirado da casa dois dias depois, após o irmão de Santos reclamar de um mal cheiro na casa. Foi quando o homem jogou o corpo debaixo da escada de uma viela.
Folha não encontrou o advogado de defesa de Santos. O caso também será investigado pelo DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa).

Folha de São Paulo 

Empregador terá de pedir seguro-desemprego pela internet

ctps
Para tornar mais rápido o atendimento ao pedido e dar maior segurança às informações sobre os trabalhadores, o Ministério do Trabalho e Emprego determinou que as empresas passem a preencher o requerimento do seguro-desemprego de seus empregados pela internet. A medida começa a valer na próxima quarta-feira (1º), de acordo com resolução do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador.
Os empregadores só poderão preencher o requerimento do seguro-desemprego e a comunicação de dispensa de trabalhadores por meio do aplicativo Empregado Web, disponível no Portal Mais Emprego, do ministério. A entrega dos  formulários impressos, utilizados hoje, será aceita até 31 de março.

Segundo o ministério, o sistema dará maior rapidez à entrega do pedido, além de garantir a autenticidade dos dados, e possibilitará o cruzamento de informações sobre os trabalhadores em diversos órgãos, facilitando consultas necessárias para a liberação do seguro-desemprego.

Homem tenta escapar de tiroteio por cemitério e acaba morrendo dentro de cova

homem cemitério
Um homem foi morto a tiros dentro de um cemitério no bairro Santa Inês, em Vila Velha, na Grande Vitória, na tarde deste domingo (29). A vítima ainda teria tentando escapar por um buraco em uma parede, mas foi puxado de volta, jogado em uma cova  aberta e, então, baleado e morto. A polícia disse que o homicídio possivelmente tem relação com o tráfico de drogas.
O crime aconteceu por volta das 16h e atraiu muitos curiosos, que se aglomeraram no local. A polícia informou que foram encontradas sete perfurações no corpo da vítima, ainda não identificada. Próximo ao corpo do homem havia 94 buchas de maconha, 19 pedras de crack e um revólver calibre 38. Os policiais não se souberam dizer se a arma era da vítima ou dos suspeitos.
Testemunhas informaram que o homem chegou ao cemitério em uma motocicleta, entrou a pé pelo portão principal e foi perseguido por um grupo de pelo menos 10 indivíduos. A vítima ainda teria tentando escapar. Os suspeitos fugiram pelo mesmo buraco na parede.
Um jovem, que estaria com a vítima antes do crime, foi detido e contou à polícia que havia levado o homem ao cemitério na motocicleta, mas que não o conhecia. Com ele também foi encontrado outro revólver. Porém, a polícia suspeita da versão e acredita que o jovem possa ter relação com a vítima, e que ambos seriam do bairro Terra Vermelha, no mesmo município.
O crime assustou os funcionários do cemitério, que trabalhavam no local no momento do assassinato. Eles ouviram os tiros e procuraram correr para se esconder. “Nunca vi uma cena como a de hoje. Foram muitos tiros”, contou um dos trabalhadores que, com medo, preferiu não se identificar.
Vários carros da Polícia Militar estiveram no bairro durante a tarde. Até mesmo um helicóptero foi utilizado para realizar as buscas pelos suspeitos. O crime será investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), em Vitória.

G1

Ladrão dá tiro no próprio pênis durante assalto no Rio Grande do Sul

bandido atrapalhado
Um assaltante deu um tiro no próprio pênis durante um assalto em uma loja de ferragens na cidade de Santa Maria, na região central do Rio Grande do Sul. De acordo com a polícia, o proprietário, que vive nos fundos da loja, chegava ao local por volta do meio dia de domingo, quando encontrou o bandido dentro do local.
O bandido teria ameaçado o dono da loja e na fuga acabou dando o tiro acidentalmente em si mesmo. Por conta do ferimento, a polícia não teve muita dificuldade para prender o assaltante em flagrante. Com ele foram encontrados um revolver e R$ 6 mil furtados do estabelecimento.
Ele foi encaminhado para o Hospital Universitário de Santa Maria onde está vigiado sob escolta da polícia, para depois ser encaminhado para o presídio local.
O proprietário da loja não quer mais falar sobre o assunto, mas funcionários do estabelecimento dizem que está tudo tranquilo no local depois do susto vivido na tarde de domingo. Já o assaltante não corre risco de morrer e se recupera no hospital.

CCJ rejeita relatório de Couto e aprova redução da maioridade

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) aprovou nesta terça-feira (31) à admissibilidade da PEC 171/93, que reduz a maioridade penal de 18 para 16 anos. Foram 42 votos a favor e 17 contra.
Antes, a CCJ havia rejeitado o relatório do Luiz Couto (PT-PB), que era contrário à proposta. Couto argumentou que a proposta fere cláusula pétrea da Constituição, o que a tornaria inconstitucional.Luiz Couto
O resultado da votação gerou protesto de manifestantes presentes na reunião.
No parecer vencedor, Marcos Rogério (PDT-RO) afirma que a redução da maioridade penal “tem como objetivo evitar que jovens cometam crimes na certeza da impunidade”. Ele defendeu que a idade para a imputação penal não é imutável. “Não entendo que o preceito a ser mudado seja uma cláusula pétrea, porque esse é um direito que muda na sociedade, dentro de certos limites, e que pode ser estudado pelos deputados”, disse.
Já o deputado Alessandro Molon (PT-RJ) lamentou o resultado: “Estamos decidindo mandar para um sistema falido, com altíssimas taxas de reincidência, adolescentes que a sociedade quer supostamente recuperar. É um enorme contrassenso.”
PT, Psol, PPS, PSB e PCdoB votaram contra a proposta. Os partidos favoráveis à aprovação da admissibilidade foram PSDB, PSD, PR, DEM, PRB, PTC, PV, PTN, PMN, PRP, PSDC, PRTB. Já os que liberaram suas bancadas porque havia deputados contra e a favor foram os seguintes: PMDB, PP, PTB, PSC, SD, Pros, PHS, PDT, e PEN.
Tramitação
No exame da admissibilidade, a CCJ analisa apenas a constitucionalidade, a legalidade e a técnica legislativa da PEC. Agora, a Câmara criará uma comissão especial para examinar o conteúdo da proposta, juntamente com 46 emendas apresentadas nos últimos 22 anos, desde que a proposta original passou a tramitar na Casa.
A comissão especial terá o prazo de 40 sessões do Plenário para dar seu parecer. Depois, a PEC deverá ser votada pelo Plenário da Câmara em dois turnos. Para ser aprovada, precisa de pelo menos 308 votos (3/5 dos deputados) em cada uma das votações.
Depois de aprovada na Câmara, a PEC seguirá para o Senado, onde será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e depois pelo Plenário, onde precisa ser votada novamente em dois turnos.

Se o Senado aprovar o texto como o recebeu da Câmara, a emenda é promulgada pelas Mesas da Câmara e do Senado. Se o texto for alterado, volta para a Câmara, para ser votado novamente.

beleza pura.


De biquíni, Cacau Colucci toma banho de mangueira e posta foto

capturar


Mas que saúde! Cacau Colucci postou uma foto em seu perfil nesta segunda-feira, 30, e tirou o fôlego de seus seguidores. De Biquíni, a ex-BBB tomou banho de mangueira e impressionou pelo corpão. “Peguei a mangueira do pedreiro emprestada pra tirar a água do mar do Corpo“, escreveu ela na legenda. Em outro registro, Cacau aparece com a parte de cima, um top e com um decotão generoso. Nos comentários, só elogios: “Gata”, escreveu um deles e outro foi mais efusivo: “Super linda!”

Ela contou que estava fazendo um gravação em Bertioga e ao sair da praia não encontrou um chuveiro para tirar a água do mar do corpo: “Tô rindo aqui com os comentários! Fiz o carro da produção parar numa construção ali perto e pedi a mangueira para o pedreiro. Ele nem entendeu direito (risos), ficou só olhando e a produção aproveitou para fazer uns cliques.” E ela garante: “Não desperdicei água! Era de reuso”.
Em recente conversa, Cacau contou que é difícil entrar na linha da dieta. “Sou do interior e acostumada a comer ‘pratão’ com arroz, feijão, carne… Saladinha não me sustenta, não!”, brincou ela que precisou segurar um pouco a boca para arrasar no carnaval.

Governo autoriza alta de até 7,7% no preço dos medicamentos

remediooo
Os remédios poderão ficar mais caros a partir desta terça-feira (31) em todo o país. A Câmara de Regulação do Mercado de Medicamento (CMED) fixou em até 7,7% o ajuste máximo permitido este ano aos fabricantes na definição do preço dos medicamentos.
A decisão foi publicada no “Diário Oficial da União” desta terça-feira. A regulação é válida para um universo de mais de 9.000 medicamentos e os ajustes são autorizados em três níveis, conforme o perfil de concorrência dos produtos.
O nível 1, que tem o maior percentual de reajuste, inclui remédios como omeprazol (gastrite e úlcera); amoxicilina (antibiótico para infecções urinárias e respiratórias). No nível 2, cujo percentual é de 6,35%, estão, por exemplo, lidocaína (anestésico local) e nistatina (antifúngico). No nível 3, que tem o menor índice de aumento, 5%, ficarão mais caros medicamentos como ritalina (tratamento do déficit de atenção e hiperatividade) e stelara (psoríase).
A autorização para reajuste leva em consideração três faixas de medicamento, com mais ou menos participações de genéricos. O reajuste segue a lógica de que nas categorias com mais genéricos a concorrência é maior e, portanto, o reajuste autorizado pode ser maior.

O ajuste de preços considera a inflação acumulada em 12 meses até fevereiro, calculada pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), e que ficou em 7,7%. Em 2014, o reajuste máximo autorizado foi de 5,68%.

politica. e educação.


TSE acata pedido do PSDB e vai auditar 40 urnas das eleições 2014 na Paraíba


TSE

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) auditará 40 sessões na Paraíba, após a Semana Santa. O objetivo da averiguação é atender solicitação formulada pelo Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) para verificar o resultado das eleições de 2014. Na Paraíba, a auditoria ocorrerá na sede do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PB), em data a ser definida.
Conforme o presidente do TRE-PB, desembargador João Alves da Silva, a auditoria de todas as zonas e sessões não deverá durar mais que dois dias e será feita exclusivamente por servidores do TSE. “Esse processo poderá ser acompanhado aqui no TRE por qualquer interessado, seja cabo eleitoral, partido político, candidato, eleito ou não eleito”, explicou o desembargador.
De acordo com a lista encaminhada pelo TSE, a cidade com maior quantidade de sessões para serem auditadas é Campina Grande, onde 23 urnas serão averiguadas – 16ª zona eleitoral: 3ª, 59ª, 99ª e 190ª; 17ª zona eleitoral: 143ª, 171ª, 173ª, 177ª, 185ª, 191ª, 215ª, 223ª, 270ª, 321ª e 358ª; 71ª zona eleitoral: 5ª, 6ª, 44ª e 58ª; 72ª zona eleitoral: 1ª, 135ª, 171ª e 325ª. João Pessoa aparece em seguida com seis urnas – 64ª zona eleitoral: 383ª; 70ª zona eleitoral: 555ª e 609ª; 76ª zona eleitoral: 57ª e 239ª; 77ª zona eleitoral: 36ª. Os outros municípios são: Alhandra – 73ª zona eleitoral: 6ª e 25ª; Araruna – 20ª zona eleitoral: 29ª e 41ª; Tavares – 34ª zona eleitoral: 93ª e 195ª; Bayeux – 61ª zona eleitoral: 208ª; Carrapateira – 40ª zona eleitoral: 6ª; Santa Rita – 2ª zona eleitoral: 59ª; Pedra Branca – 33ª zona eleitoral: 90ª; e Paulista – 31ª zona eleitoral: 14ª.

Ainda segundo  o desembargador João Alves, a escolha das urnas foi feita unicamente pelo PSDB. Além disso, o presidente se mostrou confiante de que o processo eleitoral no Estado não foi adulterado.

Professores entram em greve e 380 mil ficam sem aula na Paraíba

APLP
Cerca de 380 mil alunos da rede estadual de ensino ficarão sem aulas a partir desta quarta-feira (1), na Paraíba.  Os professores decidiram hoje em  Assembleia Geral da categoria entrar em greve por tempo indeterminado.
De acordo com o presidente da Associação dos Professores de Licenciatura Plena do Estado da Paraíba (APLP), Francisco Fernandes, a greve atinge todas  as escolas do Estado e cerca 16 mil docentes estarão de braços cruzados e 830 estabelecimentos de ensino de portas trancadas.
Francisco Fernandes disse que as principais reivindicações dos professores são: aumento salarial e revisão no Plano de Cargos e Carreira (PCCR)  da categoria.
Ele contou que o governo anunciou aumento de 25% para os professores polivalentes, mas, segundo ele, nenhum educador chegou a receber esse valor. No entanto, os professores agora  querem que esse percentual passe a valer para toda a categoria.
“Em relação ao reajuste, os professores querem que o aumento que o governo deu em janeiro a uma classe apenas do magistério sirva para todos os professores, é isso que se quer”, justificou.
Sobre o PCCR, o sindicalista disse que o pedido é por uma revisão das normas.
“Esse se encontra defasado. Tem 12 anos e está desatualizado em relação a legislação da educação como o Plano Nacional da Educação, a Lei do Piso que não se adequou e uma série de outras questões que precisam ser revistas imediatamente.

Roberto Targino – MaisPB

Revelado mistério de foto de criança síria que comoveu o mundo

menina síria
Milhares de pessoas compartilharam a imagem de uma criança síria com as mãos para cima, como se estivesse se entregando, ao confundir a câmera fotográfica com o cano de uma arma.
Mas quem fez este flagrante?

A imagem começou a viralizar no Twitter na terça-feira da semana passada, quando foi tuitada por Nadia Abu Shaban, uma fotógrafa baseada em Gaza.
A mensagem original foi retuitada mais de 11 mil vezes. “Estou chorando”, “muito triste” e “a humanidade fracassou” foram alguns dos comentários.
Na sexta-feira, a imagem foi compartilhada no Reddit, onde recebeu mais de 5 mil votos positivos e 1,6 mil comentários.
Não demorou para que surgissem acusações de que a foto era falsa. Muitos no Twitter questionaram quem seria o autor da foto e porque a imagem havia sido postada sem crédito.
Nadia confirmou que não tinha tirado a foto, mas não sabia explicar quem havia feito a imagem.
No Imgur, um site de compartilhamento de imagens, um usuário pesquisou a origem da fotografia – um clipping de um jornal – e disse que ela era real, mas tirada “por volta de 2012″. A mensagem também nomeou o fotógrafo: o turco Osman Sağırlı.
A BBC conversou com Sağırl, que agora trabalha na Tanzânia, e desvendou o mistério.
A criança é uma menina, Hudea, de 4 anos. A imagem foi tirada no campo de refugiados de Atmeh na Síria, em dezembro do ano passado. Hudea viajou ao campo – a cerca de 10 km da fronteira turca – com a mãe e dois irmãos, a 150 km da cidade deles, Hama.

“Eu usei uma lente de telefoto e ela pensou que fosse uma arma”, disse Sağırlı.
“Depois que eu tirei eu olhei (para a foto) e percebi que ela (a criança) estava assustada, porque ela mordeu os lábios e levantou as mãos. Normalmente, crianças correm, escondem os rostos ou sorriem quando veem uma câmera”, disse.
Ele diz que fotos de crianças dos campos de refugiados são especialmente reveladoras.
“Você sabe que há pessoas que foram desalojadas nos campos. Faz mais sentido ver o que elas sofreram através das crianças e não dos adultos. São as crianças que refletem os sentimentos com a inocência que têm”.
A imagem foi publicada inicialmente no jornal Türkiye em janeiro e foi amplamente compartilhada pelas redes sociais em turco, mas só na semana passada tornou-se viral em mídias na língua inglesa.

G1

casos de policia.

TRAFICANTE É ASSASSINADO COM TIROS NAS COSTAS

O traficante conhecido como Nego Val, foi assassinado no final da tarde desta terça-feira (31), no Distrito de Santa Fé, município de Arara-PB. Nego Val pilotava uma motocicleta quando foi atingido por disparos de arma de fogo, pelas costas.
IMG-20150331-WA0134A polícia investiga a autoria do crime e a motivação.







ÍNDIO TENTA MATAR OUTRO EM MARCAÇÃO, LITORAL NORTE

IMG-20150331-WA0105

Uma equipe da Força Tática da 2ª Companhia da PM de Mamanguape prendeu Adriano Lima dos Santos, 32 anos, acusado de tentar matar Evan Domingues, 38 anos. Ambos são índios da tribo potiguara e moram na Aldeia Lagoa Grande, no município de Marcação, Litoral Norte da Paraíba.

De acordo com as informações do capitão PM Alberto, vitima e acusado são primos. O acusado confessou a intenção de matar. Com ele foi apreendido um revolver calibre 38.
A rivalidade entre primos se deu por conta da disputa de terras.

HOMEM É PRESO ACUSADO DE TENTATIVA DE ESTUPRO. ELE AFIRMA QUE JÁ TRANSOU COM GALINHA, CADELA E JUMENTAIMG-20150331-WA0094

O jovem Josias Pereira da Silva, 26 anso, foi preso na madrugada desta terça-feira (31), no sítio Gujuri, Conde-PB. Ele é acusado de tentar estuprar uma adolescente.
Segundo a polícia, Josias invadiu a casa da menor e estava em seu quarto acariciando suas pernas. Preso em flagrante, Josias foi levado para a Delegacia do Conde, lá confessou que entrou no quarto de jovem mais negou a intenção de estupra-la.
A mãe do acusado disse que ele quando era adolescente costumava transar com animais. Ele confessou que ja transou com uma galinha, uma cadela e uma jumenta.

DOIS SÃO FERIDOS A BALA EM SAPÉ-PB


IMG-20150331-WA0093 

Duas pessoas foram baleadas nesta terça-feira (31), na cidade de Sapé, Zona da Mata paraibana. As vítimas forma identificadas como Maria da Guia, 43 anos, ferida na barriga com um tiro de raspão, e um adolescente de 16 anos.
Ambos foram socorridos por uma equipe do SAMU e levada para o Hospital de Trauma, em João Pessoa.
As primeiras informações chegadas à nossa redação é de que trata-se de mãe e filho. A informação ainda não foi confirmada pela polícia.
IMG-20150331-WA0092 

FILHO DO PREFEITO DE UIRAÚNA É ENCONTRADO MORTO EM APARTAMENTO


O bacharel em direito Tancredo Fernandes, 23 anos, filho do prefeito de Uiraúna, João Bosco Fernandes, foi encontrado morto na manhã desta terça-feira, em seu apartamento, em João Pessoa. Tancredo tinha, recentemente, conquistado sua graduação pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB).Segundo as informações periciais, ele foi vítima de um infarto.
O corpo do jovem foi encontrado pela empregada doméstica que trabalha no apartamento. Ele demorou para sair do quarto para tomar café da manhã e ela estranhou. Ao chegar no quarto, viu Tancredo deitado na cama e aparentava estar sem vida.
149670,362,80,0,0,362,271,0,0,0,0

AGORA: EX-PRESIDIÁRIO TENTA MATAR A COMPANHEIRA


Uma mulher foi vítima de tentativa de homicídio na noite desta terça-feira (31), no Conjunto Nossa Senhora Aparecida, na cidade de Guarabira. O acusado é companheiro da vítima e ex-presidiário.
De acordo com a Polícia Militar ele já cumpriu pena no presídio regional de Guarabira. O indivíduo é catador de latinhas.caso-de-policia
A mulher identificada como Maria do Carmo foi esfaqueada e socorrida para o hospital Regional de Guarabira. O elemento fugiu, mas a polícia está no encalço.
Matéria em atualização

RSS

31 de Março de 2015

Votação de PEC da Maioridade é adiada

Votação de PEC da Maioridade é adiada A votação da admissibilidade da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que propõe reduzir de 18 para 16 anos a maioridade penal foi adiada para esta terça-feira (30) na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara (CCJ). Depois de uma longa discussão e de várias tentativas de obstrução, por 41 votos a sete os deputados da CCJ aprovaram requerimento para o encerramento da discussão.


Com a aprovação do encerramento de discussão, a PEC poderia ser colocada imediatamente em votação, mas o presidente da CCJ, deputado Arthur Lira (PP-AL), preferiu abrir espaço para debater a proposta antes de colocá-la em votação. Se inscreveram novamente para debater a admissibilidade da redução da maioridade penal 26 deputados que integram a CCJ.


"Nós não colocaremos a matéria em votação porque não dará tempo", reconheceu Lira antes da aprovação do requerimento de encerramento de discussão. Ele informou que a apreciação será retomada diretamente com a votação da PEC, nesta terça-feira.


A dificuldade em colocar a matéria em votação nesta segunda-feira foi devida ao horário. Isso porque, iniciada a Ordem do Dia – período dedicado a votações em Plenário –, todas as comissões que estiverem em atividade devem encerrar seus trabalhos e nenhuma votação que ocorra em comissões nesse período tem validade.


Novamente, manifestantes contrários à PEC protestaram contra sua apreciação. Alguns entraram no plenário da CCJ com cartazes contrários à proposta; outros ficaram próximos e a maioria dos manifestantes permaneceu nas dependências externas da Câmara.


A PEC principal sobre a redução da maioridade penal de 18 para 16 anos está tramitando na Câmara há mais de 20 anos. A ela foram apensadas mais 38 propostas sobre o mesmo tema. Ao analisar as 39 PECs, o relator da matéria, deputado Luiz Couto (PT-PB), fez seu parecer contrário à admissibilidade das propostas. Segundo Couto, há PECs para a redução da maioridade para 12 anos e outras que propõem a redução sem limite de idade.


Se a admissibilidade da PEC for aprovada pela CCJ, será criada uma comissão especial que analisará o mérito da matéria. Só depois de muita discussão é que a proposta irá apresentar seu parecer, que será votado pela comissão e depois pelo plenário da Câmara, em dois turnos de votação.


Caso seja aprovada pelos deputados, a PEC será encaminha à apreciação do Senado. Se for modificada pelos senadores, terá de retornar à Câmara para novas deliberações. Para uma PEC ser aprovada são necessários os votos de no mínimo 308 dos 513 deputados nos dois turnos de votação.


ultimosegundo.ig
 
RSS

31 de Março de 2015

Após repercussão negativa e críticas Cássio tenta desfazer imbróglio envolvendo Mais Médicos

Após repercussão negativa e críticas Cássio tenta desfazer imbróglio envolvendo Mais MédicosEm nota encaminhada através de sua assessoria, o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) cuidou de desfazer o que considera um mal entendido sobre seu posicionamento em relação ao programa Mais Médicos.

O tucano que foi tachado de irresponsável pelo governador Ricardo Coutinho (PSB) disse que não tem nada contra o programa, mas sim contra a corrupção que existe nele.

CONFIRA

Cássio alerta para manipulação de informações a respeito do Mais Médicos O senador Cássio Cunha Lima alertou a sociedade, nesta terça-feira (31), a respeito de uma clara manipulação de informações a respeito da execução do programa Mais Médicos. Para ele, está evidente o interesse federal de continuar financiando a ditadura castrista em Cuba.

O senador destacou vários pontos que ferem frontalmente os princípios democráticos, que devem prevalecer no Brasil, tais como o fato de o governo federal repassar para o governo cubano, e não para os próprios médicos, os salários dos trabalhadores. "Para se ter uma ideia, o Brasil paga R$ 10.400 por cada médico à para a ditadura cubana. Cuba repassa apenas R$ 3.120 para cada médico em serviço no Brasil. O Brasil já havia transferido para a Ilha, até agosto de 2014, um montante superior a 1,6 bilhão de reais, o que equivale a um terço do valor total investido pelo governo brasileiro na construção, reforma e ampliação de hospitais, postos de saúde e UPAs no ano anterior" - detalha.

CONTROLADOS E ESPIONADOS - Cássio sugere que os salários sejam pagos diretamente aos profissionais ou, então, que sejam destinados para que estados e municípios contratem profissionais para suprir o déficit existente.

Outro ponto de grande preocupação do líder do PSDB no Senado diz respeito às condições de trabalho a que estão submetidos os médicos cubanos, principalmente no que tange à liberdade individual, pois é sabido que existem coordenadores nos estados, com altos salários, que têm como função controlar e espionar esses profissionais para evitar que eles fujam, engravidem ou violem outro item da cartilha de conduta recebida antes da partida da Ilha.

FINANCIAMENTO À DITADURA - Cássio repetiu o que já disse em outras oportunidades: "Nada tenho contra o povo cubano, mas mantenho meu posicionamento de ter tudo contra a ditadura instalada naquela ilha e, principalmente, o financiamento que o governo federal patrocina àquele regime, a partir dos impostos pagos pela sociedade brasileira. Além do mais, o Brasil é uma democracia consolidada e não pode se submeter às exigências de nenhuma ditadura, principalmente dentro do território nacional".

Cássio reiterou que entrou com uma representação no Ministério Público Federal (MPF) contra ato de improbidade administrativa praticados pelos ex-assessores do Ministério da Saúde Rafael Bonassa, Alberto Kleiman, Maria Alice Barbosa Fortunato e o ex-chefe da Assessoria Jurídica da pasta, Jean Kenji Uema.

INTENÇÕES MASCARADAS - Matéria jornalística divulgada pela imprensa destacou que “o objetivo do programa era atender às necessidades financeiras do governo de Cuba. Para tanto, os assessores ministeriais mascararam as reais intenções do acordo, que na prática é bilateral. A gravação demonstrou, sem sombra de dúvidas, que os ex-assessores se reuniram com o intuito de mascarar um acordo bilateral entre Brasil e Cuba, em ofensa clara aos princípios da legalidade, honestidade e imparcialidade por parte desses agentes públicos”.

Cássio pede que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, investigue a atuação de todos eles no acordo que foi firmado entre o Ministério da Saúde e a Organização Pan-americana de Saúde (Opas), que permitiu que recursos do programa Mais Médicos favorecessem a ditadura cubana. “Nada contra o povo cubano, mas tudo contra a ditadura de lá”, resumiu o líder do PSDB.

RSS


Coutinho assume Conselho da Petrobras

Coutinho assume Conselho da Petrobras A Petrobras anunciou nesta quinta-feira (26/03) que Luciano Coutinho, presidente do BNDES, irá substituir Guido Mantega, ex-ministro da Fazenda, na presidência do Conselho de Administração da companhia. Segundo comunicado da empresa, Mantega renunciou hoje ao cargo de presidente e membro do Conselho de Administração da Petrobras.


O Conselho de Administração, em reunião realizada nesta quinta, aprovou, por maioria, a eleição do conselheiro Coutinho para ocupar o cargo de presidente do conselho. A companhia ainda não elegeu um novo conselheiro para substituir a vaga deixada por Mantega.


Coutinho é membro do Conselho de Administração da Petrobras desde abril de 2008. Além disso, ele integra o Conselho de Administração da Petrobras Distribuidora e preside, desde abril de 2007, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).


A substituição, entretanto, só é válida até a próxima assembleia geral de acionistas, prevista para abril. A saída do ex-ministro já era dada como certa, mas a expectativa era que fosse anunciado um novo integrante para o conselho, e não uma substituição interna. A previsão do mercado era que o atual presidente da mineradora Vale, Murilo Ferreira, assumisse a vaga.


A eleição completa do novo conselho de administração da empresa será na próxima assembleia geral dos acionistas, prevista para abril. Na ocasião, também será confirmado no cargo o novo representante dos funcionários no colegiado, Deyvid Bacelar, e do advogado Luiz Navarro, indicado pelo governo.


O conselho da Petrobras é composto hoje por: Luciano Coutinho (presidente do conselho), Aldemir Bendine (presidente da companhia, ex-BB), Luiz Navarro, Francisco Roberto de Albuquerque, Miriam Belchior (presidente da Caixa Econômica Federal), Sérgio Franklin Quintella, José Guimarães Monforte, Mauro Gentile Rodrigues da Cunha e Deyvid Bacelar.

RSS

30 de Março de 2015

Presidente de legenda afirma que elegerá quatro cadeiras na Câmara Municipal de JP

Presidente de legenda afirma que elegerá quatro cadeiras na Câmara Municipal de JPO presidente do Partido Trabalhista do Brasil (PT do B), Genival Matias, analisou de forma positiva o momento atual de seu partido. Genival disse que quando chegou ao PT do B o partido atuava apenas em cinco cidades, mas muita coisa mudou pra melhor em relação a atuação da legenda dentro do estado. “Nas eleições de 2012 elegemos quatro prefeitos, 2 vice-prefeitos, 42 vereadores, sendo dois deles na Capital”, disse Genival.

O presidente destacou ainda que em 2012, nas eleições para o cargo de vereador, o partido obteve mais de 26 mil votos na Capital paraibana e em 2014 conseguiu eleger dois deputados estaduais. “Isso demonstra que o partido tem crescido e no projeto do PT do B a gente pensa exatamente em eleger o maior número de prefeitos, vice-prefeitos e vereadores”, afirmou.

Para Genival Matias, tem sido gratificante ver que os resultados apresentados pelo PT do B comprovam o crescimento do partido e revela que em 2016 pretende dobrar o número de vereadores na Câmara Municipal de João Pessoa. “O partido prepara um projeto para eleger quatro vereadores. Acreditamos que tempo potencial para isso”. Genival diz confiar na aprovação da Reforma Política para atingir os objetivos desejados pela legenda. “A Reforma Política, caso venha a acontecer como está colocada, acabará com as coligações e o partido terá que extrair do seu coeficiente os seus candidatos”, disse o presidente estadual do PT do B.

Em evento, vereador de Juazeirinho agride ex-presidente da Câmara

Em evento, vereador de Juazeirinho agride ex-presidente da Câmara
Na madrugada desse domingo (29), na cidade de Juazeirinho o vereador e ex-presidente da Câmara Municipal Joselito Cavalcante (PT), mais conhecido como "Josa do PT" agrediu com três socos o também ex-presidente do legislativo Wellington da Costa Assis, marido da atual vereadora Níbia Costa (PTB). A agressão aconteceu durante um evento em um restaurante na cidade.

De acordo com informações de testemunhas, Josa estava com amigos e com o prefeito interino do município quando se dirigiu até a mesa onde Wellington estava sentado e o atingiu com os socos. Ao ser pego de surpresa Wellington teria caído no chão.


Wellington foi então retirado do local pelos amigos registrou Boletim de Ocorrência e fez exames de corpo de delito onde foram confirmadas as agressões.



Josa afirmou que ao agredir Wellington, apenas teria lhe dado um recado, pois há vários dias, estava sendo taxado de “ladrão” pelo ex-presidente.

“Dei um recado a ele, pois ele chegou na mesa do ex-prefeito e ficou dizendo que iria cassar primeiramente o prefeito, Jonilton Fernandes (PSB), depois o vereador, Jorge Ramos (PMN) e, por fim, “o ladrão da Câmara”, que seria eu. Então fui lá mostrar a ele quem era o ‘ladrão’”, declarou.


Redação com informações do De Olho no Cariri

31 de Março de 2015

DEPUTADOS DIVIDIDOS: maioria da bancada federal paraibana é favorável a redução da maioridade civil

DEPUTADOS DIVIDIDOS: maioria da bancada federal paraibana é favorável a redução da maioridade civil Polemica, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 171/93, que reduz a maioridade penal de 18 para 16 anos, deve retornar hoje sua análise na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados. Se depender da bancada paraibana a proposta deve ser aprovada. O debate hoje na CCJ é quanto a matéria ser ou não cláusula pétrea, ou seja, aqueles assuntos constantes na Constituição Federal que não podem ser modificados. No que depender da bancada paraibana, caso passe na CCJ e vá para plenário, são grandes as chances de ele ser aprovado, já que a maioria dos parlamentares é a favor da redução.

Tema polêmico, a proposta de redução da maioridade penal divide especialistas e a bancada dos deputados federais da Paraíba. De um lado, há a ideia de que adolescentes menores de 18 anos têm discernimento para entender que estão cometendo crimes. Portanto, segundo os defensores da redução da maioridade, esses jovens devem ser punidos de acordo com a gravidade do ato.

Por outro lado, defensores da manutenção da maioridade em 18 anos argumentam que a redução da idade para responsibilização penal é uma medida simplista, que pode gerar ainda mais problemas para a segurança pública. Para eles, é preciso ampliar políticas sociais de proteção aos jovens.


De acordo com a Constituição, os menores de 18 anos não podem ser imputados penalmente, por isso, ficam sujeitos a punições específicas previstas no Estatuto da Criança e do Adolescente – as medidas socioeducativas. O relator da PEC, deputado Luiz Couto (PT-PB), apresentou parecer contrário por considerar que as propostas ferem cláusula pétrea da Constituição.


Ele argumenta que a PEC desrespeita o Pacto de São José da Costa Rica, tratado internacional de direitos humanos do qual o Brasil é signatário, segundo o qual os adolescentes devem ser processados separadamente dos adultos.

Confira quem é a favor é quem é contra a proposta: A FAVOR Wilson Filho (PTB); Manoel Junior (PMDB); Efraim Filho (DEM); Veneziano Vital do Rêgo (PMDB); Hugo Motta (PMDB) e Pedro Cunha Lima (PSDB) CONTRA Luiz Couto (PT); Damião Feliciano (PDT) NÃO INFORMOU Aguinaldo Ribeiro (PP); Rômulo Gouveia (PSD); Benjamin Maranhão (SD); Wellington Roberto (PR)  
Redação

 

30 de Março de 2015

Polícia prende acusado de abuso sexual foragido de São Paulo

Polícia prende acusado de abuso sexual foragido de São Paulo A Polícia Militar da Paraíba, por meio da 1ª Companhia Independente, prendeu na manhã desta segunda-feira (30) o agricultor Aderbal Almeida Silva, de 36 anos, na cidade de Alhandra, no Litoral Sul da Paraíba. Ele era procurado no estado de São Paulo, onde é acusado de abusar sexualmente da própria enteada. O caso ganhou repercussão nacional após ser exibido em um programa de televisão.


Segundo informações do capitão Kelton Pontes, responsável pela prisão, após a imagem do suspeito ter sido veiculada com as informações de que ele teria fugido para a Paraíba, os policiais da 1ª Companhia Independente começaram a receber denúncias de onde ele estaria escondido. “O suspeito é plantador de inhame na Região e há seis anos morava no Estado de São Paulo, vindo pelo menos três vezes aqui na Paraíba, principalmente no período de colheita. Soubemos do caso em São Paulo e descobrimos que ele estava no sítio Mucatu, onde através de uma operação conseguimos prendê-lo no começo da manhã desta segunda-feira”, disse.


Ainda segundo o oficial, policiais da Rondas Táticas Tobias de Aguiar, a Rota da Polícia Militar do Estado de São Paulo, já tinham feito contato com a Polícia Militar da Paraíba em busca apoio para localizar o acusado.


Aderbal Almeida foi apresentado na Delegacia da Polícia Civil, em Alhandra, e deve ser encaminhado ainda nesta semana para a cidade de São Paulo.


Secom-PB

30 de Março de 2015

Filho tenta matar pai, fere funcionário e depois se mata em Pedra Lavrada

Filho tenta matar pai, fere funcionário e depois se mata em Pedra Lavrada Tragédia em Pedra Lavrada: filho tenta matar pai, fere funcionário e depois se mata

O município de Pedra Lavrada, na Região do Seridó paraibano foi palco de uma tragédia familiar na tarde desta segunda-feira (30). Um jovem se matou após desferir quatro tiros contra o próprio pai e ferir um funcionário, no bar da família, que fica localizado na Praça Central da cidade.

Segundo informações policiais, o jovem entrou no bar onde o pai trabalhava e iniciou uma discussão. No bate boca, ele sacou a arma contra o pai e desferiu os disparos. O funcionário do bar tentou impedir e acabou sendo atingido pelos disparos. Ao perceber a tragédia o jovem se matou.

Apesar de ter sido atingido por quatro disparos, o pai do jovem, identificado apenas como Ailton, foi socorrido com vida para o hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande. Já o funcionário do bar que tentou apartar a briga não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Os corpos ficaram estendidos no chão do estabelecimento e serão encaminhados para o IML de Guarabira.

A motivação do crime ainda não foi revelada.


RSS
,

31 de Março de 2015

DEPUTADOS DIVIDIDOS: maioria da bancada federal paraibana é favorável a redução da maioridade civil

DEPUTADOS DIVIDIDOS: maioria da bancada federal paraibana é favorável a redução da maioridade civil Polemica, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 171/93, que reduz a maioridade penal de 18 para 16 anos, deve retornar hoje sua análise na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados. Se depender da bancada paraibana a proposta deve ser aprovada. O debate hoje na CCJ é quanto a matéria ser ou não cláusula pétrea, ou seja, aqueles assuntos constantes na Constituição Federal que não podem ser modificados. No que depender da bancada paraibana, caso passe na CCJ e vá para plenário, são grandes as chances de ele ser aprovado, já que a maioria dos parlamentares é a favor da redução.

Tema polêmico, a proposta de redução da maioridade penal divide especialistas e a bancada dos deputados federais da Paraíba. De um lado, há a ideia de que adolescentes menores de 18 anos têm discernimento para entender que estão cometendo crimes. Portanto, segundo os defensores da redução da maioridade, esses jovens devem ser punidos de acordo com a gravidade do ato.

Por outro lado, defensores da manutenção da maioridade em 18 anos argumentam que a redução da idade para responsibilização penal é uma medida simplista, que pode gerar ainda mais problemas para a segurança pública. Para eles, é preciso ampliar políticas sociais de proteção aos jovens.


De acordo com a Constituição, os menores de 18 anos não podem ser imputados penalmente, por isso, ficam sujeitos a punições específicas previstas no Estatuto da Criança e do Adolescente – as medidas socioeducativas. O relator da PEC, deputado Luiz Couto (PT-PB), apresentou parecer contrário por considerar que as propostas ferem cláusula pétrea da Constituição.


Ele argumenta que a PEC desrespeita o Pacto de São José da Costa Rica, tratado internacional de direitos humanos do qual o Brasil é signatário, segundo o qual os adolescentes devem ser processados separadamente dos adultos.

Confira quem é a favor é quem é contra a proposta: A FAVOR Wilson Filho (PTB); Manoel Junior (PMDB); Efraim Filho (DEM); Veneziano Vital do Rêgo (PMDB); Hugo Motta (PMDB) e Pedro Cunha Lima (PSDB) CONTRA Luiz Couto (PT); Damião Feliciano (PDT) NÃO INFORMOU Aguinaldo Ribeiro (PP); Rômulo Gouveia (PSD); Benjamin Maranhão (SD); Wellington Roberto (PR) Redação

29 de março de 2015

Avião derrapa ao aterrissar e deixa 23 feridos no Canadá

canadá
Um avião da Air Canada sofreu na madrugada deste domingo “um incidente” durante sua aterrissagem no Aeroporto Internacional da cidade canadense de Halifax, que deixou 23 pessoas levemente feridas, informou a companhia aérea.
A aeronave, que havia saído de Toronto, transportava 133 passageiros e 5 tripulantes. O incidente aconteceu às 00h43 (local, 20h43 de sábado em Brasília), explicou a Air Canadá em comunicado divulgado em seu web.
O avião, um Airbus A320, o mesmo modelo do avião da Germanwings que caiu nos Alpes franceses na terça-feira, saiu da pista no momento da aterrissagem, quando caía um forte nevasca e havia pouca visibilidade.
“Todos os passageiros e tripulantes desembarcaram do avião”, indicou a companhia, que confirmou que 23 pessoas ficaram feridas sem gravidade e foram transferidas para hospitais locais “para se objeto de observação e receber tratamento”.
Segundo um porta-voz do aeroporto, foram 25 os passageiros que precisaram ser transferidos para centros médicos próximos.
O incidente provocou um blecaute no terminal do Aeroporto Internacional de Halifax, que foi fechado para todos os voos.
Terra 

Deputado é recebido com festa após tomar posse na Assembleia

charles-carreata
O deputado estadual, Charles  Camaraense (PSL) foi recebido com carreata, na última sexta-feira (27), em Cuité, após assumir mandato da Assembleia Legislativa.
Centenas de pessoas saíram às ruas para acolher o novo representante do Curimataú na Assembleia Legislativa da Paraíba após licença do deputado Tião Gomes.
Com carros e motos, correligionários e simpatizantes percorreram as principais ruas da cidade tocando músicas da campanha do deputado e comemorando a sua chegada a Casa de Epitácio Pessoa.

“Caixa já liberou licitação para Praça da Juventude”, anuncia Zenóbio

Zenóbio
O prefeito de Guarabira, Zenóbio Toscano, declarou, neste final de semana, que a Caixa Econômica Federal já autorizou a licitação para contratar empresa que  construirá o centro esportivo da  cidade. O equipamento está orçado em mais de R$ 2 milhões e 400 mil reais através de recursos da União e com contrapartida da Prefeitura.
A “Praça da Juventude”, contará com quadra poliesportiva coberta, pista para salto triplo, pista para salto a distância, pista para caminhadas, quadra de vôlei de praia, área de exercícios e alongamento, campo de futebol society, pista para skate, teatro de arena com palco, centro de convivência com salas para ginástica, terceira idade, administração, reuniões, sanitários; quiosque de alimentação, entre outro.
Zenóbio destacou que o esforço para conseguir a liberação demorou cerca de um ano e meio, mas que, se tudo der certo, a licitação acontecerá no dia 24 de abril e a partir dessa data a obra terá início. Os recursos são oriundos de emenda do ex-deputado federal Ruy Carneiro.
MaisPB

Cássio diz que “PIB é igual à nota do governo Dilma Rousseff: zero”

unnamed (1)
Em discurso nesta sexta (27), o líder do PSDB no Senado, Cássio Cunha Lima (PB) citou a divulgação do baixo índice de crescimento da economia brasileira de 2014, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), para criticar a “política econômica desastrosa” da presidente Dilma Rousseff. O Produto Interno Bruto (PIB) no ano passado ficou em 0,1%, o pior resultado desde 2009, ano da crise internacional, quando o PIB recuou 0,2%.
“As pessoas estão empobrecidas, o Brasil está desperdiçando conquistas que foram alcançadas pela nossa sociedade com muito esforço. Não foram os trabalhadores e assalariados brasileiros que jogaram o Brasil na recessão. Se existe um responsável pela recessão que estamos enfrentando, essa responsabilidade é da presidente Dilma Rousseff do PT”, disparou Cássio.
O parlamentar lembrou que o aumento do PIB a partir de 2010 não foi sólido, já que não resultou de crescimento da indústria, mas sim da expansão do crédito e estímulo ao consumo. Segundo Cássio, até agora o que tem salvado o PIB é a agroindústria, mas para 2015 as previsões são pessimistas, de retração da economia.
“As perspectivas são ruins para o brasileiro que já sofre com a inflação elevada, a redução da renda e o desemprego”, lamentou.
Novos escândalos
Cássio criticou a gestão do governo, que não para de se envolver em escândalos. O mais recente é o da Receita Federal, com desvios estimados em R$ 19 bilhões, montante superior ao orçamento de vários estados brasileiros, como, por exemplo, a própria Paraíba. Para o senador, a gestão caótica do governo Dilma não permite à presidente sequer nomear os ministros para as vagas abertas nos tribunais superiores, o que atrasa os processos e prejudica o cidadão.
“Estamos tendo um amontoado de pessoas que batem a cabeça e não conseguem dar um caminho, um prumo, um rumo para o país. A situação é extremamente grave porque não param de surgir escândalos e com cifras bilionárias. O bilhão no Brasil está desmoralizado. Fala-se em bilhão hoje e as pessoas se confundem porque as cifras são estarrecedoras”, resumiu.
O líder alertou que esse novo escândalo de R$19 bilhões, da Receita, é superior ao orçamento de mais de 70% dos Estados brasileiros. “A Lava Jato levou para o ralo da corrupção recursos que representam muito mais do que o orçamento de 95% dos municípios brasileiros. A que ponto nós chegamos? É preciso dar um basta nessa situação. É preciso que, definitivamente, possamos encontrar um caminho, e o caminho será através da transparência, da humildade, do reconhecimento de falhas e de erros e, sobretudo, de uma postura honesta com o país”, disse Cássio.
Repasses à ditadura cubana
 Nesta quinta-feira (26), o ministro da Saúde, Arthur Chioro, pediu ao presidente do Senado, Renan Calheiros, e ao 1º vice-presidente, Jorge Viana (PT-AC), a rejeição do Projeto de Decreto Legislativo (PDS) 33/2015 de autoria do líder Cássio e do vice-líder e presidente da Comissão de Relações Exteriores (CRE), senador Aloysio Nunes Ferreira (SP). A matéria anula termo de ajuste de cooperação técnica firmado entre o Brasil e a Organização Pan ­Americana de Saúde (Opas) para o desenvolvimento de ações vinculadas ao programa Mais Médicos.
Cássio afirmou que o PSDB não está patrocinando nada contra o Mais Médicos. O que o PSDB não aceita é que, por meio do programa, o governo brasileiro repasse dinheiro à ditadura cubana. Ao comentar essa tentativa de Chioro, o líder do partido pediu ao presidente do Senado, Renan Calheiros, que acelere a votação da matéria e explicou o porquê:
“Apelo ao presidente Renan Calheiros, no sentindo de que ele possa priorizar a apreciação do projeto pelo Plenário, para que sustem os efeitos da fraude praticada pelo governo. E que Arthur Chioro compareça à CRE, mas não para confundir a opinião pública, de que a oposição quer acabar com o Mais Médicos. Não, a oposição quer acabar é com a corrupção, com a roubalheira e com a fraude que ocorre em varias áreas do país”, disse.
O senador informou que o ministro Chioro irá à Comissão de Relações Exteriores (CRE) para esclarecer “a burla feita ao Congresso Nacional”, que tem atribuição constitucional de resolver tratados, acordos e atos internacionais que acarretem encargos e compromissos gravosos ao patrimônio nacional como o caso do Programa Mais Médicos. Na opinião de Cássio, sem autorização do Senado, o Brasil firmou um acordo bilateral com Cuba.
MaisPB

Antônio Sousa vê “equivoco” no fim da coligação para eleger deputados

Antônio Sousa
O tesoureiro do PMDB paraibano, Antônio Sousa, declarou, neste domingo (29), que é um “equivoco” o fim do das coligações proporcionais, conforme matéria aprovada no congresso nacional.  De acordo com as novas regras, o excedente de votos de um candidato não será aproveitado por outros.
“Não tem sentido. Nas eleições, tem cinco a seis partidos que tem condições de competir”, disse Antônio Sousa.
O ex-presidente do diretório estadual do PMDB defendeu, ou existissem menos partidos, ou dá a condição de todos participarem do processo de forma igual.
“Tem partidos pequenos que no tempo das eleições ficam pastando. Eu acho injusto. Ou você dá condição, ou você não deixa que um partido  disse se forme. Eu acho injusto do jeito que está”, afirmou.

Casal de jovens vende água na praia para bancar casamento

casamento
Em busca da festa de casamento perfeita, um casal de jovens alagoanos resolveu vender água na praia da Ponta Verde, em Maceió, para juntar o dinheiro necessário. Apesar de o último levantamento divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontar que mais de 6,7 mil pessoas se separaram judicialmente no Brasil em 2011, eles dizem acreditar no “felizes para sempre”.
Com camisas personalizadas com as inscrições ‘Eu amo o meu namorado’ e ‘Eu amo a minha namorada’, a universitária Silvia Christianne Amorim Barbosa, 23, e o auxiliar administrativo Fillipe Coelho da Silva Barboza, 26, contam que o amor à primeira vista foi tão forte que ficaram noivos em apenas um mês de namoro.
Evangélicos, o casal conta que se conheceu na igreja. “No final do culto fui para a porta da igreja e a vi. Falei para um amigo meu que ela era muito bonita. Quando menos espero, ela me cumprimentou. Eu não entendi, mas retribui. A partir disso, começamos a conversar”, disse Barboza.
Segundo Silvia, ela o cumprimentou porque eles já eram amigos em uma rede social, mas Barboza não sabia.
“Nós já éramos amigos no Facebook, eu o cumprimentei por causa disso. Não estava com segundas intenções. Mas ele não sabia que me tinha na rede social. Ele disse que nunca tinha me visto”, contou Silvia.
Após uma semana de conversa, o romance engatou e o casal começou a namorar. Um mês depois, já estavam noivos. A notícia foi uma surpresa para a família e amigos.
Depois de quatro meses de noivado, o casal decidiu juntar dinheiro em um cofre para o casamento, que está previsto para acontecer em outubro deste ano.
A ideia de vender água na praia partiu de Barboza. Ele falou para Silvia que teve a ideia e ela aceitou. “Ela é que nem eu, sempre estamos juntos. Nossos gostos são os mesmos, as loucuras também. Falam que os opostos se atraem, mas eu discordo, pois somos muito parecidos. Precisávamos ganhar um dinheiro extra. Quero um casamento da forma que a Silvia merece”, disse ao relatar que já financiou um apartamento.
G1